07 março, 2018

Pétala nº 2111

“Que se dane a eternidade quando se tem pela frente a fera urgência de sobreviver.” 
ANA MARGARIDA DE CARVALHO, escritora portuguesa (?), in “Não se pode morar nos olhos de um gato”, Ed. Teorema, 2016

Sem comentários:

Enviar um comentário